A Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais (Setur-MG), convidou na última semana, de 24 a 28 de abril, importantes formadores de opinião de São Paulo e Rio de Janeiro para conhecerem as famosas grutas do Estado. A jornalista Thelma Lavagnoli, da Revista Viajar pelo Mundo, os blogueiros Fábio Pastorello, do Blog Viagens Cinematográficas, Maurício Oliveira, do Blog Trilhas e Aventuras e Luciane Aria do Blog Bora Lá compuseram a equipe da expedição.

O grupo iniciou a visita pela região Norte do Estado, na cidade de Itacarambi. No primeiro dia, visitaram o Parque Nacional Cavernas do Peruaçu gerido atualmente pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). O parque possui proteção ambiental há 27 anos, com aproximadamente 56 mil hectares e é um local repleto de cavernas possuindo cerca de 80 sítios arqueológicos, além de pinturas rupestres que datam mais de 10 mil anos.

 

O primeiro atrativo visitado, a Gruta do Janelão, considerada a quarta maior caverna do mundo, arrancou suspiros de todo grupo devido à grandiosidade da caverna, representada em grandes salões e espeleotemas. Foi possível também ver, mesmo de longe (pois ela fica localizada ao alto), a maior estalactite do mundo, conhecida como Perna da Bailarina, com seus imponentes 28 metros.

 

Para finalizar o dia de descobertas, os jornalistas visitaram a Lapa dos Desenhos, que contem paredões recheados de pinturas rupestres com cores vivas, além da quantidade de desenhos. Também é possível perceber diferentes estilos e técnicas utilizadas nas pinturas.

A estrutura das trilhas chamou muita atenção dos visitantes, especialmente para Luciane Aria. “Já visitei diversos lugares, várias grutas, mas não esperava ver uma estruturação tão perfeita como a desse parque. A segurança ao turista é levada a sério de verdade aqui, e isso é bem balanceado com a preservação ambiental. Isso realmente me surpreendeu”, afirmou a blogueira do Bora Lá.

 

No segundo dia, a equipe se deslocou para Montes Claros a fim de conhecer o Parque Estadual Lapa Grande. O local é uma unidade de conservação integral criada em 2006 com o objetivo de proteger e conservar o complexo de grutas e os principais mananciais de fornecimento de água para a comunidade de Montes Claros. O Parque apresenta atualmente cinquenta e oito grutas cadastradas, sendo a maior, a Lapa Grande com 2,2km. Na visita foi possível conhecer a Nascente do Boqueirão, a Ponte de Pedra e a Gruta Lapa Grande.

O dia finalizou com a chegada em Cordisburgo para visitação a Rota das Grutas Peter Lund, considerada o maior conjunto espeleo-arqueológico do país.

 

No dia seguinte, o roteiro contemplou a região mergulhando no mundo do renomado escritor Guimarães Rosa com visita ao Museu Guimarães Rosa, com direito a poesia declamada pelo Grupo Miguilins. Esse grupo é composto por cerca de 30 adolescentes, com idades entre 13 e 20 anos, e contribuem ativamente na divulgação e preservação da oralidade e da Obra de Guimarães Rosa, a partir da narração de fragmentos literários do escritor. Na cidade, também foi visitada a loja do Seu Brasinha, personagem ícone do município que apresenta a cultura da região. Por fim, eles seguiram para a Gruta do Maquiné.

Seus grandes salões e formações únicas encantaram o grupo e deram fôlego para continuarem pelo roteiro a fim de contemplar outras maravilhas mineiras. Nos dois últimos dias da viagem, visitaram a Gruta Rei do Mato e o Parque Estadual do Sumidouro, com a trilha do Sumidouro, a Gruta da Lapinha e a Gruta da Macumba.

Ao fim da expedição o grupo estava maravilhado com tantas belezas. “As grutas são muito diferentes uma das outras, é difícil escolher uma melhor. Não achei que existisse no Brasil algo tão espetacular! Grutas de todas as formas, mas uma gruta onde há floresta e rio juntos, além de lindas formações geológicas é algo realmente encantador”, afirmou Maurício Oliveira elegendo Peruaçu como sua favorita.

 

A viagem foi idealizada e realizada pelo Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Turismo e do projeto “Fomento ao turismo nos Parques de Minas Gerais”, em parceria com Instituto Estadual de Florestas (IEF) e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Essa ação contou com suporte dos circuitos turísticos Velho Chico e Grutas, além do receptivo Roteiros do Velho Chico, contribuindo assim para o sucesso da viagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *